Enfim 2017 !

Eu queria vir comemorar e fazer um post bem alegre pra vocês, mas infelizmente não consigo.

Fui passar minha virada do ano em Maricá, no Rio de Janeiro né. Alguma coisa (as minhas crises existenciais) me dizia para eu não ir porque eu não iria me divertir o suficiente. Como boa taurina, persisti na minha teimosia e fui mesmo assim.

Preciso confessar que a “viagem” não foi tão ruim. Nós fomos bastante à praia, assistimos muuuuuuuuitos clipes na televisão (sim, toda vez que estávamos em casa só comíamos e assistíamos diversos clipes na tv mesmo), assistíamos filmes, ríamos… Eu cheguei no dia 30 e vim embora no dia 03. Foram 4 dias bem divertidos se não fosse por um pequeno acontecimento…

Eu já tinha noção que eu poderia me emocionar na virado do dia 31 para o dia 01. O ano passado foi bem pesado pra mim e a chegada de um ano novo me trazia esperança para um recomeço. Foi então que no dia 31, de manhã, aquela menina (do outro post, lembram?) que desgraçou minha vida resolveu me chamar no whatsapp. Eu fiquei extremamente revoltada porque só o nome dela me dá crise de ansiedade. Fiquei tensa o dia todo e mal consegui sorrir. Fomos pra praia e eu dormi na areia porque não conseguia interagir com ninguém. A noite, quando preparávamos a ceia, a internet acabou e isso só aumentou meu estresse  minha ansiedade. Por fim deu meia noite e nós fomos pra praia ver os fogos. Na volta, a internet já havia ressuscitado e eu resolvi abrir meu whatsapp. Ela me mandou mensagem  dizendo que queria conversar comigo quando as aulas voltassem e etc.

EU ODIEI AQUILO.

Veio uma falta de ar e eu comecei a chorar descontroladamente. De repente eu nem sabia mais o que estava sentindo e nem ligava se me vissem chorando. Eu tremi de nervoso e solucei feito criança. Foi mito doloroso e eu a odiei muito forte por ter cabo com meu ano novo. Minha maior esperança de tentar recomeçar a me amar!

Minha irmã, por sorte, apareceu no meio da minha crise e me deu altos conselhos. Ela me ajuda muito me valoriza muito e eu a amo !

Demorou pra eu me recompor. Eu só queria voltar pra casa e ficar com a minha mãe. O ano novo tinha acabado pra mim e eu resolvi que só iria responde-la no dia seguinte. Depois de me acalmar tomei um banho e fui dormir sem falar com ninguém.

No dia seguinte acordei antes de todo mundo e mandei logo altas verdade pra ela. Mandei todo meu sofrimento (ou quase todo) e me senti, finalmente, um pouco mais em paz comigo mesma. Ela respondeu com outra mensagem maior ainda e, eu não sabia que isso ainda era possível, mas ela acertou meu coração com um soco terrível. A pior parte não foi ler que ela tinha se apaixonado muito rápido por outra garota, a pior parte foi ver qu ela não reconhecia totalmente a sua própria culpa. Ela já me fazia mal antes mesmo dessa garota aparecer.

Chorei mais um pouco, mas percebi que não podia ficar sempre caindo no mesmo erro. Tentei ignorar e só falei que não precisávamos conversar mais nada. Ela não respondeu, então eu fui tomar banho e tentar aproveitar o resto da viagem.

Enfim, achei que tava tudo resolvido quando chego em casa e uma amiga minha vem me falar que ela fez um puta textão no facebook. Eu fui ler e eu fiquei eternamente ENOJADA! Como que uma pessoa pode ser escrota com a oura, tentar se desculpar e no minuto seguinte ir pedir biscoito no facebook ? EU NÃO SEI COMO EU FUI ME APAIXONAR POR ESSE TIPO DE PESSOA EGOÍSTA E QUE SÓ PENSA NO PRÓPRIO EGO.

Não sejam assim. AUTORREFLEXÃO É UMA COISA INTERNA E NÃO UMA COISA PARA SE FAZER TEXTÃO NO FACEBOOK.

Eu to mt enjoada até agora com isso tudo, e to detestando essa garota porque ela estragou meu começo de ano. Agora minhas crises existenciais não me largam mesmo e eu to achando que tenho depressão porque quero me isolar do mundo, acordo triste todo dia e não vejo graça nessa vida.

Desculpem a infelicidade do primeiro post de 2017 e não desistam de mim!